INF na Mídia

Projeto TestBed: Céu na Terra.

Maio/2016

A iniciativa, que é a primeira do tipo no país, funciona em um auditório na UFRJ, através de uma parceira entre essa universidade, a UFG e a PUC-Rio. O espaço funciona como um laboratório para que pesquisadores de outras instituições testem estudos. O Céu na Terra possui um portal em que um pesquisador que se interesse em testar o seu estudo se cadastra.

Veja mais em https://jornalufgonline.ufg.br/n/88163-maquinas-no-comando

Pesquisador do INF desenvolve software que detecta pneumonia

Pesquisa coordenada pelo Prof. Dr. Leandro Oliveira produz software que auxilia o diagnóstico da pneumonia em crianças de zero a dois anos. O PneumoCad avalia a probabilidade do paciente estar com a doença por meio da foto da sua radiografia, que é comparada com outras imagens de um banco de dados. Com acesso a um computador com internet e previamente cadastrado, o profissional de saúde insere os dados do paciente e anexa uma foto do raio-X no sistema do PneumoCad. A similaridade dessa radiografia com outras que já foram laudadas é calculada. Em seguida, o próprio software utiliza estas imagens semelhantes e fornece a probabilidade de a criança estar ou não com pneumonia bacteriana. O resultado é apresentado ao médico para auxiliá-lo na análise final.
 

Pesquisador do INF tem proposta aprovada para vinda de pesquisador do Reino Unido a Goiás

Pesquisa coordenada pelo Prof. Dr. Hugo Alexandre Dantas do Nascimento na área de interação homem-computador foi selecionada para a vinda do pesquisador da School of Computer Science da University of St. Andrews, Aaron J. Quigley. O projeto aprovado trabalha com a questão da interação humano-computador na visualização de dados por meio de desenhos gráficos – Empirical Evaluation of Graph Drawing Algorithms Based on Human Evaluation Processes. O objetivo é desenvolver novas abordagens para os processos de desenho gráfico e visualização de informações, dentro das interações humano-computador, particularmente no uso de redes de interação
 

Pesquisador do INF tem projeto de cooperação com a França selecionado por meio da FAPEG

Projeto coordenado pelo Prof. Dr. Fábio Moreira Costa do INF foi um dos cinco selecionados de todo o Brasil para ser realizado em parceria com instituições francesas. Intitulado “Achor – Adaptive enactment of service choreographies”, o projeto, em parceria com o INRIA, se propõe a desenvolver uma nova metodologia para permitir que usuários não-especialistas sejam capazes de especificar sistemas de informação utilizando modelos de alto nível, em contraposição ao uso de ferramentas de programação.
Conteúdo sindicalizado